18 de julho de 2009

mais um por-do-sol


novamente estavam eles lá, sentados olhando o sol se por. eles estavam sentados na areia, bem perto da água, o céu era encantador, mas além do céu, tinha muitas outras coisas.
ela observava tudo, como se fosse uma pintura, que só um artista consegue enxergar, ela estava quieta a muito tempo.
ele nunca conseguia ficar quieto, sempre falava algo, até ficar bravo com ela, por ela não ter dito apenas uma palavra desde quando sentaram lá.
- toda vez que você vem aqui, é a mesma coisa, você sempre fica calada, só fica olhando pro céu e nunca diz nada -disse ele tentando desviar o olhar dela
o olhar dela era imovel e nenhuma palavra era pronunciada por seus lábios, já os deles não paravam de falar.
- você já percebeu o quanto é encantador isso? - disse ela imovel, somente seus lábios se mexiam
- não! -ele a respondeu rapidamente -não sei aonde tem de encantador nisso aqui? você só vê esse sol, esse mar, essas montanhas, qual a graça disso?
- você me ama? -ela olhou pra ele rapidamente
- e o que isso tem a ver com isso tudo.
- eu te fiz uma pergunta, me responda - ela olhava fixamente pra ele
- eu te amo, você é a minha vida, agora me diz o que isso tem a ve ? -os dois se olhavam
- poisé, não parece.. o amor está nas coisas mais simples da vida. presta bem atenção no que você olha. -ela voltou a olhar a paisagem -presta atençao em tudo, veja como o sol toca o mar, mesmo não tocando. como ele se esconde, e o mar e as montanhas? como um depende do outro pra viver, já imaginou se não existisse as montanhas? -ela apontava pras montanhas- o que seria de nós? o mar iria acabar com tudo, mas não elas estão lá pra nos proteger, proteger toda uma civilização. e o sol, já imaginou o que seria de nós sem o sol ? somente olhe essa beleza que ele nos passa, depois de ficar praticamente 12 horas nos iluminando, é capaz de pintar o céu com toda essa beleza. -ela ficou quieta novamente
passaram se minutos, e o sol já estava sumindo, até que ele resolveu responder ela
- você me disse isso tudo pra que? esta qeurendo dizer que eu não sei amar ninguém, e que meu amor por você não existe ?
- não meu amor, eu não disse isso, eu somente quis te mostrar quanto amor existe perto de nós, e nós não somos capaz de ver -ela respondeu ele, se levantou, e deitou em seu colo- eu poderia passar o resto da minha vida aqui, somente com você.
o sol se foi, e eles continuaram lá, observando as estrelas
- e mesmo depois do sol, brilhar o dia todo para nós, vem a lua, suavemente brilhante, com a ajuda das estrelas pra nos encantar -ela disse à ele, sorrindo..
com aquele sorriso que ele nunca mais vai esquecer
por mim (:


ultimamente to com muita inspiração, e tempo pra postar né;
espero que gostem dos meus textos :)

17 comentários:

Luan Fernando disse...

E bota inspiração nisso, é praticamente uma obra-prima, você está parabéns! Espero que continue escrevendo desse jeito alegre!

Lorena Neves disse...

Gostei bastante do teu texto, bem interessante. Mas uma dica pra ti, presta mas atenção na "organização" do texto, na ortografia, nas virgulas etc. Ele tem conteúdo, e se realmente arrumasses isso ia ficar perfeito. Saiba que isso não é uma critica, na verdade um elogio, porque adorei teu texto. Espero que eu ajude, beijos =)

Fran.ciellen :) disse...

Agora foi a minha vez de chorar aqui...
Liindo mesmo, eu ameei! Me trouxe lembranças que só Deus sabe onde estavam! ;O

E eu nem consigo imaginar os próximos textos (perfeitos) que você vai postar aqui *-*

Pirulito que Bate-Bate disse...

Oi!
Ficou muuito legal o que você fez. Uma representação simples de situações que acontecem, mas agente nem liga pra elas, só buscando o lado ruim. É assim em um monte de momentos da nossa vida. Agente nunca para pra olhar o que é bom ou enxergar o lado legal das coisas.
Bjs

Marcela Antonio disse...

aain, que texto lindo! *-*
obrigada por visitar meu blog!
beijoo

' isaa * disse...

o por do sol é lindo demais...

Ítala disse...

parabens, de fato, mas melhores coisas de vida estão camufladas naquelas que são as mais simples...

olhe, mas não apenas olhe, passe a encontrar a beleza nas coisas, assim como vc fez com essa cronica.
A vida fica com mais um gostinho de felicidade quando encontramos coisas singelas ao nosso redor.

parabens.

Aninha disse...

q vc sempre esteja com mta inspiração!

Amei o texto!
mto fofo e lindo!

bjinhos*/~

cecilia disse...

Lndo post,nossa fiquei emociona,com o que disse no meu blog,demorei para responder pois estava meio ausente por aqui,enfim se você disse que se indentificou fique a vontade para pegar o texto la e postar aqui,obrigada.
bjo

Camila disse...

muito lindo!
verdade mesmo qe por muitas vezes a gente deixa passar os amores em volta xd


bejos

Keel Diniz disse...

Vc tava inspirada heinmm.. Me fez lembrar de alguém que não consigo esquecer.. AI,AI (suspiross)..saudadee..^^

Luh Andrade disse...

que texto lindoo! tbm axo que o amor esta nas coisas simples da vidaa...
bjoo, amei o blog.

Dica disse...

Foi lindo o jeito que ela descreveu o encontros do mar com céu, do céu com o mar e das montanhas nesse ambiente.
Amor também é isso. Protege, toca, esconde, encontra.. Muito bom o texto, flor.
Você desenvolve bem.


Beijo

Wevertton disse...

Olha Caah arrasou no textop hein.. Me fez parar e refletir sobre lembranças passadas.
Amei o texto....

BjooÔ

R.Vinicius disse...

Oi Cá.

Gostei do texto. Não gosto de tratar texto como texto, mas não encontro outra palavra que possa dizer o que estou pensando. "Belo encontro do sol com o fundo do mar." É o encanto de quem sabe escrever. "No fundo ambos apaixonados." Gostei da harmônia.

Abraço,
R.Vinicius

Marcela Antonio disse...

respondendo: HSUAHSUAHS' achei mega estranho..
folgadinho mesmo! HO'

aline disse...

simplismente lindooo

Related Posts with Thumbnails