21 de julho de 2009

uma página virada, um capítulo novo


Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final...
Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver.
Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos. Não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.
Foi despedida do trabalho? Terminou uma relação? Deixou a casa dos pais? Partiu para viver em outro país? A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações?
Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu....
Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó. Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: seus pais, seus amigos, seus filhos, seus irmãos, todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado.
Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco.
O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar.
As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora...
Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem.
Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração... e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.
Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se.
Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas, portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos.
Não espere que devolvam algo, não espere que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor. Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa, que mostra como você sofreu com determinada perda: isso o estará apenas envenenando, e nada mais.
Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos que não são aceitos, promessas de emprego que não têm data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do "momento ideal".
Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará!
Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa - nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade.
Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante.

Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida.
Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é. Torna-te uma pessoa melhor e assegura-te de que sabes bem quem és tu próprio, antes de conheceres alguém e de esperares que ele veja quem tu és..
E lembra-te:
Tudo o que chega, chega sempre por alguma razão
Fernando Pessoa

20 comentários:

Aninha disse...

Adorei o texto!

Encerrar uma etapa da vida é essencial para q outra fase ainda melhor do que a que passou entre em nossas vidas!

bjinhos*/~

Dá. disse...

Ai ai ai, eu acho que não é se desligando do passado que a gente vive o presente , acho que muito pelo contrario , vou dar um exemplo , eu vo comenta isso aqui agora e em instantes ele já vai virar passado , e assim vai . Acho que a gente tá muito ligado Á NOSSA HISTÓRIA.
A gente deve sim aprender com o passado ruim pra não repiti , e com o passado bom a mesma coisa.Justamente pra obter a mudança .Mais so totalmente contra rasga as paginas do passado elas fazem parte da nossa história , se isso fosse correto o esse comentário aqui não teria a menos imporatncia por que ele também vai virá assado! Mais não acho ele super importante pra mim

Eu adoorei o post , dá uma bela discussão , parabéns!
BEIJOS:*

Magia Adolescente disse...

É, o que já passou, nunca mais voltará, ninguém pode consertar ou voltar atrás.
Bjs!

Ítala disse...

Uma frase que representa tudo isso
"Um passo para trás, dois para frente"
e força!

jamais desisitir do que relamente se quer.

~~~~~~~~~~
AAAh..
sobre meu texto, tenho 17 (quase) 18 anos..
=)

e eu entendi sim o que vem a ser um "selo"
muitissimo obrigada.
BjOs

Aquela tal de brito disse...

aii Fernando Pessoa é realmente inacreditavel
uma verdadeira lição de vida
sempre quando leio fernando pessoa eu apredo mais a viver, a ver a vida de outras maneiras.
O texto todo é incrivel, mas essa parte é minha lição : "Tudo o que chega, chega sempre por alguma razão"
Muitas vezes eu nao consigo acreditar que chegou ao fim eu nao consigo deixar pra lá.

beeeijos;*

Luan Fernando disse...

Estamos o tempo todo entrando em etapas novas. Quem não sai do lugar, não vive, e pra sair do lugar tem que exprerimentar coisas novas, e tentar de novo, e sempre mudando...

Nathalia Pacheco disse...

CÁÁ AAAAADOREI ESSE TEXTO.
MUITO BEM COLOCADO, ESCOLHIDO.
BJS

Natie disse...

Uau, que texto lindo!
Resume muito a fase da minha vida que acabou ano passado... (o colegio) É dificil deixar pra tras td o q se construiu, os colegas de turma, os professores, aquele lugar, mas chega uma hora que isso tem que ficar no passado... Dói, mas tem que se virar a página...
Beijos...

Jessy disse...

Impossível não se sentir tocada de alguma forma com esse texto, Fernando Pessoa é demais, não é, flor? Belas palavras, belas colocações, belo impulso para aqueles que escolhem viver do passado. Quando a gente perceber que algo já está desgastado demais, não tem mais concerto e chegou ao final, o melhor a se fazer, por mais que doa, por mais que sangre, é deixar aquilo pra trás, se desprender, se desapegar. Sei que em alguns casos é impossível conter as lágrimas, mais aí a escolha é nossa, podemos chorar por ter acabado, mais podemos sorrir por ter acontecido, por tudo de bom que ocorreu e não vai mais voltar. Concorda, comigo? Não podemos ficar parados, há mais capítulos para serem escritos, é preciso esquecer os anteriores. :}

"Tudo o que chega, chega sempre por alguma razão.'' Ou seja, nada é por acaso e tudo tem um lado bom, mesmo que esteja oculto, é só a gente querer enxergar.
Beijo, seu blog é lindo *.*

Gêsa disse...

Adoro Fernando Pessoa, só perde pra Clarice Lispector & Lygia Bojunga.

Beeijos

Daniela Filipini disse...

O que passou, passou. E isso deve ser aceitado, por mais que seja dificil, temos que seguir em frente :)

Wevertton disse...

Oiis Caah, tô sumido do seu blog, e como dizem "Um bom filho a casa retorna" e estou de volta. Nossa vc não sabe como eu adoro seu blog, muitas palavras lindas!! Adoro o Fernando Pessoas, ele escreve de uma tal foema, que um dia quero poder escrever como ele!! Mais é isso ae, o que passou passou.. bloa pra frente pq atras vem gente e sempre!! Arasou no texto! Ah vc tbm ta sumidinha do meu blog. Postei de novo, qnd puder da uma passadinha la!
BjoÔ

Bia disse...

Oi flor!
Estou aqui para divulgar meu bazar, o Estilo Bazar, sou nova aqui nos blogs.
Dá uma passadinha lá para ajudar e dar uma olhadinha (vai que você se interessa por algo, né?).
ah, e ainda tenho muuuitas coisas para postar, então as atualizações serão bem frequentes ;)
se puder linkar, me avise para eu poder retribuir!
beijão e muito obrigada!
(se já te mandei esse comentário, por favor me desculpe)

http://estilo-bazar.blogspot.com/

Stephanie Pereira disse...

belissimo texto, as vezes temos mesmo de abandonar o passado e seguir em frente... mas nao acho que é sempre a melhor escolha. O passado querendo ou nao, pod nos ajudar a entender o agora.

▪ dααy imhof ! disse...

brigada ! adoreio txt ; parabééns !

Luiza Cardoso disse...

tinha tempo q eu nao passava para ler seus textos.. e esse me pegou de surpresa!
muuito lindo e bem elaborado. :)
beijo e boa semana.

Bruna Bianconi disse...

Ah Fernando Pessoa é Fernando Pessoa né? Ótimo texto. :)

Anaah disse...

ooi *-*
meeeenina, morri quando entrei aqui e vi esse monte de foto do Nx *-* sou viciada, e pelo visto vc gama no Gee hein rs. sou mais o Caco *-*
mas então HSHAHSHAHS adorei o texto, tudo sempre muda, amanhã podemos pensar diferente e sermos diferentes.
amei seu blog :) beeijo

Cadinho RoCo disse...

Em tudo há sempre uma razão de ser e por isso é que devemos ter nossa percepção aberta para que assim possamos entender melhor a situação de cada situação.
Cadinho RoCo

Mari disse...

ah eu acho o seu blog mara. Lindo e os textos são maravilhosos. Voltarei sempre que puder.
bjo

Related Posts with Thumbnails